Avenida Pasteur, nº 154, 12º andar - Botafogo - Rio de Janeiro, RJ, Brasil
+5521991291074

Como escolher fornecedores de matéria-prima?

O Blog da Polen é um espaço exclusivamente dedicado ao compartilhamento, divulgação e publicação de notícias, artigos, colunas e relatórios sobre o universo dos resíduos sólidos no Brasil e no mundo. Aqui você encontrará conteúdo relevante, escrito por profissionais com experiência e vivência no setor. Dentre as pautas a serem abordadas, estão: guias de boas-práticas na gestão de resíduos; legislação e regulação do setor; novas tecnologias, soluções e aplicações para o reaproveitamento, reuso e reciclagem dos resíduos; economia-circular; logística-reversa e muito mais!

Como escolher fornecedores de matéria-prima?

Como escolher fornecedores de matéria-prima

A matéria-prima é a base para qualquer industria. Ela é o ponto de partida para o produto e sua compra deve ser bem planejada, uma vez que representa grande parte dos custos empresariais. Entretanto, uma dificuldade muito comum é no momento da escolha dos fornecedores de matéria-prima. As melhores condições de abastecimento impactam diretamente no sucesso do negócio.

Por esse motivo, demonstraremos quais fatores orientam esta escolha, onde você consegue encontrar esses fornecedores e como eles são fundamentais para seu negócio.

Vamos lá!

 

A importância dos fornecedores de matéria-prima

Segundo o Código de Defesa do Consumidor, “Fornecedor é toda pessoa física ou jurídica, pública ou privada, nacional ou estrangeira, bem como os entes despersonalizados, que desenvolvem atividade de produção, montagem, criação, construção, transformação, importação, exportação, distribuição ou comercialização de produtos ou prestação de serviços.

É fundamental que o fornecedor seja compreendido como um dos principais parceiros da empresa, uma vez que ele é essencial na confecção dos produtos. Por isso, o gestor deve escolher fornecedores com bons preços, prazos de entrega e qualidade diferenciadas, além de compartilhar com eles, desde o início, suas necessidades e expectativas, evitando problemas futuros. A relação deve ser benéfica para os dois lados.

 

O que avaliar?

Visto a importância dos fornecedores de matéria-prima, uma pesquisa aprofundada é o primeiro passo, levantando uma gama de opções para estudo. É preciso descobrir quem são, onde se localizam, e quais são os mais adequados para o negócio que está sendo planejado.

Como comentado anteriormente, a parceria deve pressupor um alinhamento de objetivos e ser baseada em princípios de qualidade, excelência e responsabilidade, gerando confiança mútua. Ainda assim, é aconselhável o cadastro de mais de um fornecedor, evitando o risco de falta de matéria-prima e desabastecimento, e a atualização constante desses cadastros.

Alguns critérios devem ser levados em consideração durante a pesquisa, como:

  • Preço;
  • Prazos e pontualidade na entrega;
  • Qualidade;
  • Reputação;
  • Distância física;
  • Referências;
  • Custo do frete;
  • Capacidade de fornecimento;
  • Forma de pagamento e de entrega.

Alguns deles devem ser cruzados na análise, como preço e qualidade. Não é raro que o gestor fique tentado a comprar do fornecedor que oferta um preço mais baixo, porém pode ser que sua matéria-prima seja de qualidade duvidosa. É necessária uma avaliação completa do panorama, realizando um planejamento financeiro, estudando margens de lucro e verificando valores que não comprometam a qualidade nem preço do produto final, pois um bom produto não somente aumentará suas vendas como fidelizará seus clientes.

Além desses fatores, a sustentabilidade e desenvolvimento social dessas empresas são importantes, uma vez que a população está em uma crescente preocupação com essas causas, aumentando o valor agregado ao seu produto.

É importante também manter uma relação amistosa com sua rede, estimulando parcerias de longo prazo. Se estiver com dificuldade para fechar determinado preço, verifique outro produto que o fornecedor oferece e busque uma venda casada para reduzir o valor unitário dos itens. Caso faça compra parceladas, considere prazos além dos 30/60/90 dias e busque negociar melhores prazos de entregas e descontos na compra à vista, como 5% ou 10%. Essas iniciativas irão promover uma relação comercial mais forte e a imagem da sua empresa será de seriedade e responsabilidade, incentivando uma relacionamento mais longo e benefícios para as duas partes.

Onde encontrar os fornecedores de matéria-prima

Após entender o que você deve avaliar, você precisa saber onde encontrar esses fornecedores para a análise.

É indicado ler revistas do ramo, frequentar eventos do segmento e pesquisar na internet. Você pode conversar com empresários que possuem experiência na sua área e descobrir novos fornecedores locais, pois assim se consulta a credibilidade daquele fornecedor no mercado através de clientes que já consumiram dele. Essa conversa é importante para saber se ele costuma cumprir prazos, respeita contratos e se está sempre atualizado.

Ainda assim, na internet, existem outras alternativas, como a Polen. A Polen é uma plataforma online que conecta fornecedores de matéria-prima secundária com seus compradores, em todo o Brasil. Sendo assim, em poucos cliques, você consegue avaliar a diferença de preço, custo do frete, forma de pagamento, capacidade de fornecimento e prazos de entrega dos fornecedores, além de acabar com o problema da distância física. Além disso, o pagamento só é debitado após a confirmação da sua empresa de que recebeu o produto conforme esperado. Facilita bastante, certo?

 

Agora que você já sabe o que são, como avaliar e onde encontrar os fornecedores de matéria-prima, que tal entender como a matéria-prima virgem encarece seu negócio e o porquê de ser mais vantajoso buscar uma fonte alternativa?

Baixe agora o ebook gratuito "Como a Comercialização de Resíduos pode revolucionar o Supply Chain Management"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *